Seja bem-vindo
Rio Grande,23/04/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Bruna Castro

A negociação mais difícil da minha trajetória.

Envolveu apenas o confronto comigo mesma, quando me deparei com duas versões de mim tentando descobrir como e o que diabos é amar.


A negociação mais difícil da minha trajetória.

A negociação mais difícil da minha trajetória.

A negociação mais complexa da minha existência não se desenrolou num escritório, em uma audiência formal ou numa mesa repleta de executivos pomposos. Ela ocorreu quando me vi sentada à mesa, enquanto alguém totalmente desprotegido diante de mim,  mostrava cada uma das suas feridas, tanto as recém-abertas quanto as já cicatrizadas, enquanto aguardava pacientemente que vissem a beleza de cada uma.

Essa negociação não se tratou de um serviço high-ticket ou de uma plataforma de inteligência artificial apresentada em aramaico. Na verdade, foi quando me vi expondo meus próprios sentimentos, com o peso e a satisfação da sinceridade crua e descomprometida.

A mais difícil negociação da minha existência não foi aquela em que precisei compreender as necessidades de um cliente que sequer admitia ter problemas, mesmo estando à beira da falência. Foi quando, para além das minhas próprias necessidades, busquei entender como expressá-las sem impor ao meu parceiro de negociação minhas urgências.

A negociação mais desafiadora da minha jornada não se deu quando me vi diante de um dilema ético e moral, ponderando entre priorizar as dores do meu cliente ou vender um serviço adicional que aumentaria minha comissão. Foi quando tive que parar e decidir entre cuidar das minhas próprias feridas ou estancar o sangramento do outro enquanto confiava que as minhas também fossem saradas.

Essa negociação difícil não envolveu uma grande empresa, um cliente obstinado ou um colega de vendas. Envolveu apenas o confronto comigo mesma, quando me deparei com duas versões de mim tentando descobrir como e o que diabos é amar.

Entendam que a negociação mais complexa de nossas vidas se revela quando escolhemos caminhar ao lado de alguém. Que sorte a minha ter encontrado alguém do outro lado da mesa tão disposto a ouvir e compreender. Espero que um dia você também ganhe duplamente essa negociação.



COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.