Seja bem-vindo
Rio Grande,02/03/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Ministros de Portos e Aeroportos e do Turismo assinam acordos para ampliação da malha aérea

Autoridades celebraram o recorde de recursos do turismo internacional no Brasil e também firmaram parcerias para seguir ampliando a conectividade aérea


Ministros de Portos e Aeroportos e do Turismo assinam acordos para ampliação da malha aérea Foto: Vosmar Rosa

Os ministros dos Portos e Aeroportos e do Turismo, Silvio Costa Filho e Celso Sabino, respectivamente, acompanhados dos presidentes da Embratur, Marcelo Freixo, e da Infraero, Rogério Barzellay, participaram, nesta quinta-feira (8), de uma cerimônia de assinatura de acordos para a ampliação da malha aérea brasileira no Aeroporto Internacional Tom Jobim (RIOgaleão), no Rio de Janeiro (RJ).

A iniciativa surge em meio à comemoração do recorde de receitas provenientes do turismo internacional, atingindo a marca de US$ 6,9 bilhões, equivalente a R$ 34,5 bilhões, o que representa o maior resultado desde o início da série histórica em 1995.

Durante o evento, foram formalizados acordos para a expansão da malha aérea internacional, envolvendo tanto companhias aéreas nacionais quanto estrangeiras. Além disso, será estabelecida uma parceria entre a Embratur e a Prefeitura do Rio de Janeiro, visando implementar um monitoramento de dados estatísticos do turismo carioca.

Silvio Costa Filho destacou os números de 2023. "Fechamos as movimentações de passageiros com crescimento de 15%, saltando de 98 milhões para 112,5 milhões. E hoje, a Embratur e o Ministerio do Turismo anunciaram mais dados positivos. Tivemos recorde de gastos de turistas internacionais no Brasil. Foram R$ 34,5 bilhões injetados na nossa economia. Esse é o governo do presidente Lula", destacou. 

Aeroporto Ernani do Amaral Peixoto

No período da tarde, os representantes do Ministério de Portos e Aeroportos e da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) assinaram a Portaria de Outorga que transfere a gestão operacional do aeroporto Ernani do Amaral Peixoto, em Itaperuna (RJ), para a empresa pública federal. A delegação do aeródromo para a Companhia, que possui 50 anos de experiência na gestão de terminais aeroportuários, faz parte do plano de requalificação de aeroportos regionais.

Com uma pista de pouso e decolagem de 1.200 metros de comprimento por 28 metros de largura, o aeroporto de Itaperuna possui capacidade para operar aeronaves de até 72 passageiros. O sítio aeroportuário possui, ainda, área de 6.000 metros quadrados de pátio para aeronaves e terminal de passageiros com 224 metros quadrados. A transição operacional do terminal fluminense será concluído no dia 1º de abril, quando a Infraero assumirá integralmente a gestão do aeródromo.

A assinatura de transferência operacional do aeroporto de Itaperuna contou com a presença do Ministro do Turismo, Celso Sabino, do presidente da Infraero, Rogério Barzellay, do prefeito da cidade, Alfredo Marques, do deputado federal Murilo Gouveia, de secretários do MPor e demais autoridades políticas da região.

Publicidade



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.