Seja bem-vindo
Rio Grande,21/05/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Grêmio perde para o Vasco da Gama na estreia do Campeonato Brasileiro

Zagueiro Gustavo Martins anotou o gol gremista no Rio de Janeiro


Grêmio perde para o Vasco da Gama na estreia do Campeonato Brasileiro Foto: Grêmio/assessoria

No domingo, 14, o Grêmio estreou com derrota no Campeonato Brasileiro 2024. Em jogo muito truncado, o Tricolor acabou superado pelo Vasco da Gama, em São Januário, no Rio de Janeiro. O gol gremista saiu dos pés do zagueiro Gustavo Martins, que aproveitou o cruzamento do lateral Cuiabano e descontou no placar.

Confira como foi o jogo:

Primeiro Tempo

Os primeiros minutos da estreia de Grêmio e Vasco da Gama no Brasileirão foi de muito estudo entre as equipes, com poucas ações ofensivas, mas com muita marcação.

Aos oito minutos, o Vasco chegou pela primeira vez, em falta cometida pelo zagueiro Kannemann. Após cobrança, o zagueiro gremista foi bloqueado duramente pelo atleta vascaíno. No choque, o argentino acabou sendo jogado ao chão e bateu a cabeça no gramado. Ao tentar se reerguer, Kannemann sentiu tontura e precisou receber atendimento médico.

Quatro minutos depois, o zagueiro gremista caiu no gramado novamente, sentindo dificuldades em permanecer em pé. Em novo atendimento, o médico Paulo Rabaldo sinalizou ao técnico Renato a necessidade da alteração do atleta. Para o seu lugar, o zagueiro Gustavo Martins foi chamado.

Na sequência, o atacante Rossi tentou cavar um pênalti absurdo, onde sequer fora tocado pelo atleta gremista que havia acabado de entrar na partida. No campo, o árbitro Flávio Rodrigues de Souza marcou a penalidade, mas a árbitra responsável pelo VAR, Daiane Muniz, alertou o equívoco do juiz, que voltou atrás e anulou a penalidade. No lance, o atacante vascaíno Rossi tomou cartão amarelo pela simulação.

O jogo seguiu morno, sem chances de gol, mas com muita marcação no meio-campo. Em lance aos 21 minutos, o volante Du Queiroz conseguiu rebater um chute do zagueiro Léo, do Vasco, mas o centroavante Diego Costa não conseguiu chegar antes do goleiro Léo Jardim, que ficou com a bola.

Aos 23’, o Vasco da Gama abriu o placar com o atacante David. Após cruzamento, o goleiro Marchesín rebateu a bola aérea para dentro da própria área, onde estava posicionado o atacante David, que dominou se livrando da marcação e bateu firme. A bola ainda desviou no lateral João Pedro antes de entrar na meta gremista. 1 a 0 para o time da casa.

Aos 30’, o lateral João Pedro avançou pela direita e cruzou buscando o centroavante Diego Costa, mas a bola foi muito forte e passou longe do atleta Tricolor. O Grêmio tentava voltar para o jogo após o gol vascaíno. Três minutos depois, o mesmo Diego tomou iniciativa e acabou sofrendo uma falta ao lado da grande área. Na cobrança, o meia Franco Cristaldo alçou a bola na área, mas o zagueiro Léo estava atento e acabou rechaçando o perigo da meta alvi-negra.

Com dificuldades, o Grêmio não conseguia chegar com maior perigo e o Vasco acabou aproveitando novamente as falhas defensivas. Em cobrança de escanteio de Rossi, o meia Mateus Carvalho acertou um chute de primeira, de perna direita, no canto esquerdo do goleiro Marchesin. Dois a zero para o Vasco em São Januário.

Aos 40’, o Grêmio reclamou de uma penalidade máxima não marcada pelo árbitro Flavio de Souza. Em cruzamento da esquerda, o centroavante Diego Costa tentou, com um drible rápido, passar pelo atleta vascaíno. Na disputa, os atletas gremistas reclamaram que a bola havia batido no braço do lateral Lucas Piton, o que ficou claro em qualquer ângulo que o lance fosse revisto. Novamente, o juiz foi orientado a rever o lance no monitor. Após análise, o mesmo optou por não marcar o pênalti claro para o Tricolor, mesmo tendo a possibilidade de rever o lance por várias vezes na cabine do VAR. Pênalti claro não marcado para o Grêmio!

O primeiro tempo foi finalizado aos 52 minutos.

Segundo Tempo

O Grêmio voltou para o segundo tempo com alteração no comando de ataque: o camisa 19, Diego Costa, deixou o jogo para a entrada de João Pedro Galvão.

Logo aos dois minutos, o Grêmio perdeu grande chance de descontar em São Januário. Após receber excelente passe do atacante Cristian Pavon, o lateral João Pedro chutou cruzado, da entrada da pequena área. A bola acabou passando à direita da meta defendida pelo goleiro Léo Jardim. Que chance perdeu o Grêmio!

A resposta vascaína veio no minuto seguinte. Após cruzamento de Rossi, o centroavante Vegetti cabeceou no canto direito de Marchesin, que fez a defesa. No rebote, a bola ficou com o atleta do Vasco, que reclamou de pênalti após disputa com o zagueiro Rodrigo Ely. O árbitro da partida ouviu a orientação da profissional responsável pelo VAR e não marcou a penalidade para o time da casa.

Aos 11’, o técnico Renato Portaluppi fez duas alterações no ataque gremista. Saíram Cristian Pavon e Soteldo, entraram Gustavo Nunes e Nathan Fernandes. Logo na sequência, aos 14’, o Grêmio teve mais uma chance para descontar o placar. Após passe na medida de Cristaldo, o atacante Nathan Fernandes chutou cruzado, mas a bola cruzou toda a extensão da meta defendida pelo Léo Jardim e acabou saindo pela linha de fundo sem que ninguém concluísse pro fundo das redes do Vasco.

Aos 21’, o Grêmio perdeu mais uma chance de marcar seu primeiro gol. Após cruzamento de Gustavo Nunes, o atacante vascaíno Pablo Vegetti tentou tirar e acabou cabeceando pra trás. O atacante gremista João Pedro Galvão chegou atrasado pra concluir, mas o Grêmio ficou com o escanteio, contudo, o Tricolor não aproveitou.

Na sequência, também em cobrança de escanteio, o lateral Cuiabano recebeu o passe curto de Franco Cristaldo e cruzou na área. A zaga do Vasco falhou e o zagueiro Gustavo Martins entrou de carrinho por entre os defensores alvi-negros para marcar o primeiro gol gremista no Campeonato Brasileiro! Desconta o Tricolor no São Januário!

Após o gol gremista, o técnico Renato Portaluppi colocou o lateral José Guilherme no lugar de Cuiabano, que volta a atuar após longo tempo entregue ao Departamento Médico.

Aos 30’, o meia Rayan ganhou a disputa pela bola com José Guilherme e chutou de fora da área, de perna esquerda, buscando o canto esquerdo do goleiro Marchesin. A finalização rasteira saiu à esquerda da meta do goleiro gremista. Aos 34, jogada semelhante do Vasco, mas, dessa vez, a finalização de Rayan subiu demais e passou longe do gol gremista.

Aos 36’, o atacante Vegetti recebeu livre, às costas da defesa gremista. O argentino driblou o goleiro Marchesin e disputou a bola ombro a ombro com Gustavo Martins, mas o zagueiro levou a melhor e afastou o perigo.

Três minutos depois, o meia Franco Cristaldo fez a abertura para Nathan Fernandes, que cortou o marcador vascaíno e chutou de perna esquerda. A finalização saiu fraca, facilitando a defesa do goleiro Léo Jardim.

Aos 47’, o Grêmio chegou novamente pela direita, com passe do atacante Nathan Fernandes, que encontrou João Pedro dentro da área. O lateral tentou se livrar do marcador, mas foi bem marcado e, na tentativa do drible, a bola acabou batendo por último no jogador gremista antes de sair para a linha de fundo.

O juiz finalizou o jogo com 54 minutos.

O Grêmio retorna aos gramados na próxima quarta-feira, contra o Athletico Paranaense, na Arena, às 19h.




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.